No ar
Palavras de Vida
Terça, 21 de maio de 2019
69 9374-9560
Polícia

15/03/2019 ás 23h12

Redacao

Ji-Paraná / RO

Propina recebida por servidores era gasta com prostitutas
Os envolvidos pediram propina e usavam o dinheiro em casas de prostituição.
Propina recebida por servidores era gasta com prostitutas

A Polícia Civil de São Francisco do Guaporé deflagrou a Operação Esdras, na manhã desta sexta-feira (15), para combate a corrupção na esfera municipal. Os envolvidos pediram propina e usavam o dinheiro em casas de prostituição. Dois servidores públicos municipais são alvos da operação. 

De acordo com o delegado Rondinelly Moreira Santos, os investigados são suspeitos de solicitarem valores pecuniários em troca do abatimento de dívidas do IPTU que seria devido pelos contribuintes. Parte dos valores era usada por esses próprios servidores em casas de prostituição da cidade. 

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão nas residências dos investigados, bem como foi dado cumprimento a decisão expedida pela 1ª Cara Criminal de São Francisco do Guaporé, determinando o afastamento dos cargos dos referidos servidores, dentre outras medidas cautelares. Diversos objetos foram apreendidos pela Polícia Civil, visando o esclarecimento dos fatos. 

O nome da operação faz referência ao versículo bíblico de Esdras 7:24 “Saibam também que vocês não têm autoridade para exigir impostos, tributos ou taxas de nenhum sacerdote, levita, cantor, porteiro, servidor do templo e de nenhum dos que trabalham nesse templo de Deus”.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados