No ar
Tempo de Paz
Terça, 07 de julho de 2020
69 3421-5085
Polícia

26/05/2020 ás 09h14 - atualizada em 26/05/2020 ás 09h19

Redação I

Ji-Paraná / RO

Idosa de 74 anos é executada a tiros na zona rural de Ouro Preto do Oeste
Segundo a polícia, o assassino chegou em uma motocicleta de cor vermelha
Idosa de 74 anos é executada a tiros na zona rural de Ouro Preto do Oeste

A sitiante de 74 anos, Ana Almeida, foi brutalmente assassinada por um homem ainda desconhecido que também baleou o vaqueiro da propriedade, Raimundo Braz de França, 49 anos. O fato ocorreu por volta das 18h desta segunda-feira (25), em um sítio localizado na linha 80, zona rural da Estância Turística de Ouro Preto do Oeste.


Segundo a polícia, o assassino chegou em uma motocicleta de cor vermelha e a deixou em frente à propriedade. Em seguida, foi a pé até a residência, onde perguntou se as vítimas estavam sozinhas no sitio e, sob a mira de uma arma de fogo, os rendeu.


Ainda conforme consta no boletim policial, na sequência, o assassino efetuou um disparo contra o vaqueiro, vindo a atingi-lo na região do queixo, e outros três ou quatro tiros foram efetuados na direção da idosa, sendo que aparentemente ao menos dois dos disparos atingiram o rosto de Ana. Em seguida, o autor dos disparos evadiu-se do local.


Mesmo atingido, o vaqueiro ainda conseguiu correr e pedir ajuda, sendo levado ao Hospital Municipal, onde recebeu os primeiros atendimentos, quando constatou que o tiro atingiu o vaqueiro no lado esquerdo da mandíbula e saiu na região cervical (pescoço), lado direito. Em seguida, ele foi transferido para o Hospital de Cacoal.


Uma guarnição do Corpo de Bombeiros e outra da Polícia Militar foram acionadas. Ao chegarem ao local, constataram que Ana já estava morta e Raimundo havia sido socorrido no Hospital em Ouro Preto do Oeste. O local foi isolado e foi acionada a Perícia Técnica da Polícia Civil.


De acordo com a polícia, populares informaram que a terra onde ocorreu o crime estava sob um processo de partilha e que haveria em torno de 16 herdeiros da propriedade.

FONTE: gazeta central

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados