No ar
Ritmos da Alternativa
Quarta, 26 de janeiro de 2022
Saúde

13/01/2022 ás 16h15

Redacao

Ji-Paraná / RO

ASSINADO CONVÊNIO PARA RETORNO DE PERCIIA DO INSS EM JI-PARANÁ
Assinatura aconteceu na manhã desta quinta, em Brasília
ASSINADO CONVÊNIO PARA RETORNO DE PERCIIA DO INSS EM JI-PARANÁ

O Prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca (MDB), assinou o convênio para o retorno das perícias médicas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Isaú assinou o documento na manhã desta quinta-feira (13), em Brasília (DF), acompanhado do Ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, e do presidente do INSS, José Carlos Oliveira.


Ji-Paraná é um dos dez municípios do Brasil, e o único de Rondônia, escolhidos para o projeto piloto de perícias do INSS por teleatendimento, por meio do termo de cooperação técnica firmado entre o Governo Federal e a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Assuntos Estratégicos (Semdae).


“É uma honra para nosso município estar entre as dez cidades brasileiras que foram escolhidas pelo Governo Federal para fazer parte desse projeto piloto. As perícias médicas vão trazer mais agilidade para as pessoas que necessitam do INSS”, comemorou Isaú Fonseca.


A perícia médica ocorre para realizar a revisão dos benefícios, evitando fraudes e pagamentos indevidos, por meio do Governo Federal. Por conta disso, os segurados pelo INSS precisam comprovar que realmente estão elegíveis para receber os benefícios.


“Estamos cumprindo a missão de agilizar a vida de quem precisa do INSS. E, nesta quinta, assinamos acordo com as prefeituras, em projeto piloto de perícia do INSS por teleatendimento. A missão no Ministério do Trabalho e Previdência é tirar as pedras do caminho para gerar emprego, oportunidades pro informal e agilizar o INSS”, afirmou o ministro Onyx Lorenzoni.


 


Matéria: Marco Bernardi Fotos: Arquivo Ascom

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2022 :: Todos os direitos reservados