No ar
Palavras de Vida
Sexta, 01 de dezembro de 2023
Política

21/09/2023 ás 08h10

Redação I

Ji-Paraná / RO

Deputada Sílvia Cristina diz que queda no preço da arroba do boi prejudica os criadores
Em Rondônia, arroba valia entre R$ 260 a R$ 300 há dois anos. Hoje, vale entre R$ 160 a R$ 180
Deputada Sílvia Cristina diz que queda no preço da arroba do boi prejudica os criadores
Assessoria/Parlamentar

Durante pronunciamento no plenário da Câmara dos Deputados, nesta terça-feira (19), a deputada federal Sílvia Cristina (PL) alertou que a queda no preço da arroba do boi, está prejudicando os pecuaristas de todo o país, gerando perdas e endividamento de quem pegou financiamento para ampliar sua produção.


"Estou nessa tribuna para defender todos os pecuaristas do Brasil, mas especialmente os de Rondônia, que vendiam há dois anos uma arroba de boi entre R$ 260 a R$ 300, mas agora recebem  entre R$ 160 a R$ 180, numa defasagem superior a 40% e que está quebrando um setor primordial para a nossa economia", disse a deputada.


De acordo com a parlamentar, "a pecuária é o principal produto da economia rondoniense e tem papel importante para o Brasil. Boa parte dos criadores pegaram financiamento para ampliar a sua produção e agora não conseguem pagar. Está inviável pagar, não porque não querem, mas porque não conseguem, pela queda no preço da arroba, que mal cobre os custos. O Ministério da Agricultura precisa agir, o Ministério da Fazenda precisa liberar a renegociação desses débitos dos criadores junto aos bancos", completou.


Para Sílvia Cristina, "os pecuaristas fazem muito pela economia e, como integrante da Comissão de Agricultura da Câmara, conclamo a todos os deputados para nos manifestarmos em defesa desse setor importante, que está sendo muito penalizado. Não aceitamos e não podemos deixar do jeito que está".


A deputada disse também que seu pronunciamento é em defesa do preço justo da arroba paga ao produtor, que não pode ser penalizado. O preço final ao consumidor é uma outra situação que também precisa ser enfrentada pelo Governo. 

FONTE: Assessoria/Parlamentar

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
Mais lidas
© Copyright 2023 :: Todos os direitos reservados